Análise: Plan B from Outer Space: A Bavarian Odyssey

Existem jogos que navegam uma linha muito ténue entre ser realmente um jogo ou outra coisa qualquer. Qualquer visual novel por exemplo facilmente pode ser descrito como um jogo ou outra coisa. Plan B from Outer Space: A Bavarian Odyssey tem muito mais semelhanças com um jogo do que a maioria das visual novels, sendo uma espécie de aventura à base de texto com caminhos diferentes dependendo das escolhas que fazemos.

O sentido de humor de Plan B from Outer Space: A Bavarian Odyssey é um dos seus pontos fortes. Basicamente o jogo subverte o que costumamos encontrar nas histórias de ficção cientifica onde um astronauta cai num planeta estranho, já que aqui o extraterrestre é o jogador e ele não cai num planeta distante mas sim na Baviera na Alemanha.

Plan B From Outer Space é um jogo de aventura onde jogamos como um viajante interestelar com um avançado sistema de IA a bordo da sua nave. O jogo começa a dar alguma exposição sobre a nossa personagem e a sua história anterior aos acontecimentos do jogo, podemos até criar o nosso alieanígena ao nosso gosto. A partir daí a aventura começa e a nossa nave acaba logo por ser atingida por um objeto e é forçada a uma aterragem de emergência no planeta mais próximo. A aventura envolve essencialmente explorar o planeta com a nossa IA para encontrar forma de reparar a nave e prosseguir viagem.

A narrativa é uma grande parte do que torna este jogo tão agradável. A escrita encontra sempre maneiras ousadas e absurdas de nos colocar em situações engraçadas. Também dificilmente ficamos presos em ou ficamos forçados a utilizar tentativa e erro para continuar. Não existem aliás muitas coisas que nos façam perder em Plan B from Outer Space: A Bavarian Odyssey e o jogo inteiro flui suavemente. Um aspeto que não está propriamente bem aproveito é a Baviera como local. Apesar de o jogo ser bem específico onde estamos não parece utilizar essa informação para nada.

Com uma duração demasiado curta para a duração, poucas razões para repetir tudo além de explorar algumas reações a respostas diferentes e um preço que não está de acordo com o que é oferecido. Mas Plan B from Outer Space: A Bavarian Odyssey continua a ser muito bem escrito e divertido e isso pode ser mais do que suficiente para muitos jogadores.

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

ComboCaster