Antevisão: Noble Fates

Noble Fates é um novo jogo de estratégia lançado recentemente na Steam em acesso antecipado onde os jogadores vão pode criar um verdadeiro reino medieval de fantasia. Noble Fates oferece mais do que apenas a gestão de recursos tradicional do género. A partir dos gráficos estranhamente fofos, podíamos pensar que Noble Fates seria um jogo super superficial mas Noble Fates está longe disso e não será uma aventura fácil para os jogadores. Os nossos súditos têm memórias e essas memórias podem e vão durar o jogo inteiro. Isto faz com que uma decisão que o jogador tome no início acaba por voltar para nos atormentar se for errada. Além disso o jogo tem tendência para largar catástrofes vindas praticamente do nada e que podem estragar o dia a qualquer jogador.

Noble Fates oferece um tutorial útil, mas a interface do jogo é tudo menos impressionante. É comum neste tipo de jogos a interface ser um pouco assustadora e Noble Fates mantém essa tradição. Noble Fates permite que o jogador alterne entre uma visão de cima para baixo e uma perspectiva de personagem, o que é um bom recurso. Tudo no jogo tem algum tipo de atributo ou valor anexado e podemos simplesmente clicar no item para abrir o menu de atributos. Noble Fates vai um passo além e permite-nos selecionar uma área maior para agilizar esse processo. A informação disponível é muita e o jogo faz um bom trabalho a ajudar-nos a mostrar apenas o que queremos ver.

Noble Fates oferece também alguns aspectos sociais, já que temos a opção de falar diretamente com as outros personagens. Falar com os súditos permite descubrir as suas opiniões sobre as coisas. Concordar com eles melhora a opinião deles sobre nós e o nosso governo e tendo em conta que começamos o jogo como um cadáver, é bom manter a boa opinião da nossa força de trabalho. Além disso, falar com os visitantes e convencê-los a gostar do nosso governante permite convidar esses visitantes para o nosso reino, aumentando o tamanho da nossa população. Outro valor que é importante para a jogabilidade é o prestígio. Cada personagem tem uma pontuação de prestígio justaposta a uma pontuação de ambição. Manter as duas pontuações equilibradas mantém as personagens felizes com o regime atual.

Apesar de potencialmente complexo, Noble Fates tem uma série de opções que fazem com que o jogo faça grande parte do trabalho sozinho. Os criadores de Noble Fates claramente anteciparam que haverá mais jogadores casuais do que fãs do género e estas opções acabam por tornar o jogo ainda mais atraente porque essencialmente permitem-nos aprender ao longo do tempo e retirar as partes aborrecidas da jogabilidade. As nossas personagens também vão subindo de nível ao longo do jogo, o que significa que elas podem melhorar o uso das suas habilidades e aprender novas.

Em termos de gráficos jogo inclina-se para uma estética cartoon e adorável. Os designs funcionam para o jogo e o estilo low poli também garante que este jogo corre em praticamente todo o lado. A banda sonora é bastante genérica e pouco memorável, por isso não irá oferender ninguém, mas também não oferece nada que mereça destaque. Neste momento Noble Fates está ainda em Acesso Antecipado, mas está bastante polido para o normal de um jogo em Acesso Antecipado. Existem bons elementos, mas não é até agora um jogo muito inovador. Se gostam do género podem encontrar alguma diversão aqui, mas está longe de ser um jogo que levará o género mas novas e entusiasmantes direcções.

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

ComboCaster