Antevisão: Recipe for Disaster

Quando abre um novo restaurante, este costuma abrir cheio de vontade e precisa sempre de alguma originalidade. Cozinhar as mesmas coisas que todos os outros restaurantes não é de todo o caminho para o sucesso, é preciso pensar um pouco fora da caixa. Isto é a minha opinião, nunca abri um restaurante. A premissa de Recipe for Disaster é a de que a originalidade de um restaurante é mesmo o ponto mais importante e portante há que criar novos pratos. Peguem em todos os ingredientes da cozinha, misturem tudo, lancem na fritadeira, dêem um nome apelativo e podem ter a receita para o sucesso, ou para um desastre de proporções épicas.

Recipe for Disaster tem uma premissa realmente divertida. Podemos criar uma personagem e abrir um restaurante. Depois temos de montar todo o recheio, desde os móveis às casas de banho, mas também toda a maquinaria que uma cozinha precisa. Depois de tudo estar montado temos de contratar uma pequena equipe para nos ajudar a cozinhar, limpar e servir as mesas. Depois temos de criar novas receitas, adicionar novos itens ao menu e esperar que os lientes deixem boas críticas ou caso contrário voltar a criar novas receitas.

O jogo é um tudo ou nada caótico, especialmente porque os cozinheiros que contratamos não são muito habilidosos, mas também porque temos de ter atenção a coisas como o stock de ingredientes. Para as receitas podemos combinar seis pratos diferentes numa única refeição, e cada um desses pratos pode ter até cinco ingredientes. Ter apenas um prato no menu é uma aposta de risco. Tanto pode ser um fantástico sucesso que nos pode tornar ricos, ou uma desgraça que nos quase obriga a abrir falência. Demasiado sucesso também significa que podemos não conseguir atender toda a gente e começamos a ver clientes a sair chateados do restaurante.

O ritmo do jogo é elevado e temos que ajustar constantemente tanto o menu como os preços. Se começamos a ver uma fila a formar-se à porta não há grande razão para não aumentar um pouco os preços. A lei da procura e oferta é universal por uma razão, funciona. Se há demasiada procura podemos perfeitamente aproveitar para nos encher-mos de dinheiro.

Recipe for Disaster encontra-se neste momento ainda em acesso antecipado, mas muito do que torna o jogo único já está presente. Com a primeira grande atualização, o jogo recebeu um modo de jogo livre ajustável. Aqui podemos iniciar o jogo com padrões fáceis, médios ou difíceis, ou configurá-lo de acordo com as nossas próprias preferências com 20 parâmetros diferentes. O valor do replay aumentou enormemente com este modo.

A música do jogo consiste em algumas faixas de jazz e no geral é bastante apropriada. Um pouco mais de som ambiente poderia ser criado para dar mais variedade sonora ao jogo, mas estando ainda em acesso antecipado é algo que pode ser resolvido. Os gráficos são bastante simples no estilo low-poly, mas com a iluminação simples, mas eficaz a dar-lhe um aspeto agradável.

Recipe for Disaster está no bom caminho e apesar de precisar de mais conteúdo e limar algumas arestas é um jogo que posso recomendar mesmo no seu estado atual. A ideia de ter-mos de criar os nossos pratos e definir os preços é realmente interessante e se gostam de jogos como Overcooked vão adorar Recipe for Disaster.

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

ComboCaster